20/09/2017

7 covers inacreditáveis: de Paula Fernandes do metal a Sepultura bossa nova

Por Felipe Branco Cruz
Publicado originalmente no UOL em 08/05/2016

paula-fernandes-grava-novo-dvd-e-aposta-em-visual-mais-roqueira-1460562466970_300x420Com a sanfona e a viola, Paula Fernandes, Edson & Hudson, Marcos & Belutti, Michel Teló e Luan Santanase transformaram em ídolos do mundo sertanejo. Mas o repertório desses artistas vai além. Todos eles já fizeram versões em inglês de sucessos internacionais.

Paula Fernandes, por exemplo, por incrível que pareça, é fã de heavy metal e lançou em 2011 um disco só com versões gringas. A mais impressionante é a sua interpretação para “Nothing Else Metters”, doMetallica. Já o sertanejo Hudson faz solos de guitarra de bandas comoGuns N’ Roses, Black Sabbath, AC/DCe Pink Floyd.

Ainda na seara sertaneja, a duplaMarcos & Belutti se arriscou em covers de Aerosmith e Bon Jovi e Michel Teló já soltou a voz em uma versão de “Someone Like You”, de Adele. Já Jorge & Mateus cantou “Use Somebody”, do Kings of Leon, e “Get Lucky”, do Daft Punk.

Os metaleiros do Sepultura fizeram o caminho oposto. O grupo tocou uma versão “banquinho e violão” de “Garota de Ipanema” em plena premiação do Grammy Latino em 2008.

Se por um lado ficou provado que tocar clássicos internacionais é a receita do sucesso, por outro fica o desafio: acertar a pronúncia e o sotaque.

Confira abaixo a seleção dos covers inacreditáveis da música brasileira.

Sertanejo, rock, metal e bossa nova

“Nothing Else Matters”, de Paula Fernandes
Em 2007, Paula Fernandes gravou o disco “Dust In The Wind” somente com releituras de clássicos do rock. O álbum apresentou, por exemplo, versões de “Behind Blue Eyes”, do The Who, “Dust in The Wind”, do Kansas, e “Iris”, do Goo Goo Dolls. Mas o cover que mais destoa do repertório da artista é “Nothing Else Matters”, do Metallica. Paula já disse em entrevistas que é fã de heavy metal e tocava essas músicas nos barzinhos, no início da carreira. Vale lembrar também que a cantora já fez dueto com Taylor Swift, na música “Long Live”.

“Sweet Child O’ Mine”, de Edson & Hudson
A dupla Edson & Hudson sempre foi uma coisa meio médico e monstro. Edson é do sertanejo e Hudson do rock. Para atender aos dois lados, em certo momento dos shows, Hudson assume as guitarras e toca solos de bandas como Guns N’ Roses, Black Sabbath, AC/DC e Pink Floyd. A ligação de Hudson com o rock é tanta que Matt Sorum, ex-baterista do Guns N’ Roses, já gravou algumas músicas para um álbum solo roqueiro de Hudson.

“I Don’t Wanna Miss a Thing”, de Marcos & Belutti
A balada “I Don’t Wanna Miss a Thing”, do Aerosmith, até que combina com as letras românticas da dupla sertaneja Marcos & Belutti. A dupla é conhecida pelas faixas “Domingo de Manhã” e “Aquele 1%”, com Wesley Safadão. Já a clássica “I Don’t Wanna Miss a Thing”, foi imortalizada na trilha sonora do filme “Armagedom”, com Liv Tyler, Ben Affleck e Bruce Willis. Outra música que a dupla eventualmente canta em seus shows é “Always”, do Bon Jovi.

“Someone Like You”, de Michel Teló
A voz da cantora britânica Adele é irretocável. Talvez por isso cause estranheza ouvir Michel Teló, dono do hit “Ai Se Eu Te Pego”, arranhando o inglês para homenagear a cantora. Além de Adele, é comum o sertanejo fazer covers de outros artistas em seus shows. Mas a interpretação de “Someone Like You”, no entanto, está entre as melhores.

“Use Somebody”, de Jorge & Mateus
Se hoje o indie é conhecido entre o público sertanejo, agradeça à dupla Jorge & Mateus. Os cantores costumam apresentar diversos covers em seus shows e o mais famoso deles é “Use Somebody”, do Kings of Leon. E aqui cabe até usar de clichê e dizer que o público “vai ao delírio” quando a faixa é executada. Em suas apresentações, espere ouvir também “Get Lucky”, do Daft Punk e “Wake Me Up”, do Avicii.

“Love Yourself”, de Luan Santana
Luan Santana sabe o que é ser um ídolo teen. Deve ser por isso que ele se arriscou em um cover com pegada sertaneja do pop “Love Yourself”, de Justin Bieber (a partir do minuto 3:40). Mas Luan foi além de cantar. Ele também viaja por cima do público em uma plataforma suspensa, assim como o cantor canadense faz em suas turnês. O sertanejo já afirmou em entrevistas que gosta de rock clássico e sua última turnê foi em homenagem ao cantor Elvis Presley.

“Garota de Ipanema”, do Sepultura
Talvez o cover mais inesperado seja a interpretação da bossa nova “Garota de Ipanema” pela banda de heavy metal Sepultura. O grupo interpretou bem ao estilo banquinho e violão o clássico de Tom Jobim e Vinicius de Moraes durante o Grammy Latino de 2008. Foi surpreendente ouvir a voz gutural de Derek Green soando melodiosa nos versos da música, enquanto o guitarrista Andreas Kisser dedilhava as notas no violão.

O que você achou dessa notícia? Comente